Cultura

Cursos de cozinha na web são novo nicho de mercado

Patrícia Abbodanza, chef da Dedo de Moça, durante gravação de um dos cursos online (foto: divulgação)

por Cintia Oliveira

Impulsionados pelo interesse cada vez maior do público pela gastronomia, os cursos on-line têm representado um novo nicho de mercado. Para se ter uma ideia, a eduK, uma das líderes na rede com aulas sobre empreendedorismo em diversas áreas, já atingiu a marca de 20 milhões de acessos em seus cursos. De olho nesse crescimento, mais uma empresa embarca no mundo virtual: a Dedo de Moça, especializada no serviço de personal chef, em São Paulo.

Em parceria com o portal UOL, estreou recentemente o projeto Escola de Gastronomia, no qual o aluno aprende a partir de vídeo-aulas curtas que, reunidas, têm duração entre 50 minutos e 1h10. Por enquanto, a plataforma oferece cinco cursos, que ensinam desde o básico, como cortar cebola, até os que abordam técnicas de cozimento mais elaboradas. “A ideia é que seja um serviço ao aluno. Reuni diversas dúvidas que ouvi ao longo dos anos na hora de montar a grade dos cursos”, diz Patrícia Abbodanza, chef da Dedo de Moça, que também apresenta os programas.

Enquanto na eduK os alunos podem assistir às aulas ao vivo de graça, ou pagar uma mensalidade entre R$ 19,90 a R$ 29,90 para assistir as reprises, o preço dos cursos da Dedo de Moça varia entre R$ 39,90 (curso de caldos) e R$ 59,90 (curso técnico para cozinhar) e inclui um e-book com informações mais detalhadas sobre cada curso.

Dedo de Moça
dedodemoca.net

eduK
eduk.com.br