Bebida

Aula em prol de vinhedos incendiados no Chile acontece em SP

Videira renascendo das cinzas: foto do produtor François Massoc foi compartilhada nas redes sociais pelo sommelier chileno Hector Riquelme (foto: reprodução/ Instagram @el_cavista)

por Suzana Barelli

O sommelier chileno Hector Riquelme publicou em seu instagram (el_cavista) uma foto de uma videira renascendo das cinzas, tirada pelo produtor François Massoc. Quase poética, a imagem é o contraste entre a tragédia de um incêndio, que em janeiro destruiu 117 hectares de vinhedos chilenos, e a vida, que teima em sobreviver em condições tão adversas.

A tragédia chilena motivou a escola de vinhos Eno Cultura a promover uma aula seguida de degustação em prol dos vinhateiros que tiveram seus vinhedos incendiados. No valor de R$ 250, o total arrecadado com as inscrições será repassado totalmente para os produtores que perderam os seus vinhedos.

O incêndio de janeiro atingiu, principalmente, vinhedos centenários de micros e pequenos produtores de uva. Colchagua, com 15 hectares de vinhas queimadas segundo a Wines of Chile, foi a região mais afetada. Entre as variedades, cepas de país, variedade antiga no Chile, estão entre as mais atingidas. No evento da Eno Cultura, serão degustados oito vinhos de produtores como De Martino, Torres, Bodegas Re, Undurraga, Clos de Fous e Odfjell.

 

Aula sobre os vinhedos chilenos

data 28 de março

horário 19h30 (receptivo) e aula das 20h às 22h

investimento R$ 250

inscrição projetosocialchile.eventbrite.com.br

 

Praça São Lourenço

rua Casa do Ator, 608 – Vila Olímpia (veja no mapa)

São Paulo – SP

Eno Cultura

enocultura.com.br