Bebida

Morre herdeira da vinícola Guatambu

Isadora Potter liderava a vinícola na região da Campanha (foto: divulgação)

por Suzana Barelli

A jovem Isadora Potter, sócia-proprietária da vinícola Guatambu, foi encontrada morte nesta quinta-feira, em seu apartamento, em Dom Pedrito (RS). As causas da morte estão sendo investigadas pela polícia civil da cidade. Advogada e vice-presidente do Sindicato Rural de Dom Pedrito, ela tinha 34 anos.

Junto com a irmã Gabriela, Isadora liderava a vinícola na região da Campanha, no sul do Rio Grande do Sul. Nesta semana mesmo, os Potter comemoraram os quatro anos da inauguração da vinícola, uma das mais modernas do Brasil, em Dom Pedrito. Ela também era ligada às demais atividades agrícolas de sua família – pecuária e arroz são o forte da atividade econômica de Valter Potter, seu pai.