Acontece

Restaurante Miya fechará as portas em 30 de junho

Segundo Flavio Miyamura, as manifestações e o Carnaval prejudicaram o movimento do restaurante (foto: Rafael Hupsel/ Ag. IstoÉ)

por Beatriz Marques

Mesmo com indicação Bib Gourmand do guia Michelin e outras premiações ao longo dos seus cinco anos de existência, o restaurante paulistano Miya não resistiu à crise e anunciou hoje (8) o fechamento de suas portas.

“O ano passado foi bem difícil. Mas, quando achávamos que iria melhorar, as manifestações continuaram e isso prejudicou bastante nosso movimento”, conta Flavio Miyamura, chef e sócio do Miya, ao lado de Rogerio Voltan, Gregory Rinzler e Alex Hirata.

A localização do restaurante, ao lado da estação de metrô Fradique Coutinho, em Pinheiros, e próximo ao Largo da Batata, acabou recebendo um fluxo muito grande de manifestantes, fato que afugentou muitos clientes da casa. “E ainda tivemos as festas ligadas ao Carnaval no começo do ano, que nos prejudicou durante três fins de semana consecutivos”, relata Miyamura. “Aí ficou complicado recuperar o movimento.”

Questionado se uma mudança de ponto poderia ajudar a resolver o problema, o chef disse que até tentaram, mas só teria sido possível com a entrada de mais um sócio, algo que não se concretizou.

Sobre o futuro, Miyamura ainda não tem planos: “Estou com a cabeça no restaurante, só quando terminar o trabalho é que vou parar para pensar”. O Miya continuará servindo jantares até 30 de junho. “E pretendo fazer uma festa de despedida para os clientes. Afinal, foram cinco anos incríveis, temos muito a comemorar.”

 

Miya

rua Fradique Coutinho, 47 – Pinheiros (veja no mapa)

(11) 2359-8760 – São Paulo – SP

restaurantemiya.com.br