Cultura

É na cozinha que a Itália ganha a Copa, diz chef Bottura

Projeto do chef italiano Massimo Bottura quer acabar com o desperdício de alimentos no Rio de Janeiro (Foto: Divulgação/Angelo Dal Bó)

por ANSA

O chef Massimo Bottura, que teve seu restaurante, a Osteria Francescana, eleito como melhor do mundo, aproveitou o prêmio para alfinetar a seleção da Itália, que não se classificou para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

“A bandeira tricolor eu sempre carrego comigo, e este prêmio não é só importante para mim e minha equipe, mas para a Itália. É na cozinha que ganhamos a nossa Copa do Mundo”, disse Bottura em entrevista à ANSA.

“Um sucesso que move a excelência do turismo, não só com a qualidade dos alimentos, mas também com a qualidade das ideias. Nós somos os embaixadores dos agricultores, dos pescadores, da beleza das cidades artísticas. Nós treinamos os jovens que serão então os embaixadores da Itália no mundo”, acrescentou.

O restaurante Osteria Francescana fica na cidade de Modena, na região da Emília-Romanha, e tem três estrelas no Guia Michelin.

Sob o comando de Giampiero Ventura, a seleção italiana não conseguiu se classificar para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, após ter perdido os play-offs das Eliminatórias. Essa foi a primeira vez desde o Mundial de 1958, na Suécia, que a “Azzurra” fica de fora de uma Copa do Mundo.(ANSA)