Cultura

Porções excessivas em restaurante não são apenas um fenômeno americano, diz estudo

Consumir mais de 600 calorias por refeição é um dos fatores ligados à obesidade (Foto: Reprodução/iStock)

da redação da Menu

Os estados Unidos são muitas vezes considerados vilões da boa alimentação pelas porções exageradas servidas nos restaurantes do país. Entretanto, um artigo publicado na revista The BMJ sugere que grandes porções de restaurantes são, na verdade, um problema global.

Os pesquisadores trabalharam especificamente em cinco países, Brasil, China, Finlândia, Gana e Índia, medindo algumas das refeições mais pedidas em restaurantes fast food e de serviço completo e comparando esses números com os dados existentes nos Estados Unidos.

Apenas a China apresentou uma contagem média de calorias de restaurantes menor do que os Estados Unidos. Enquanto uma refeição média chinesa tem 719 calorias, os americanos consomem em média 1088 calorias por refeição. Mesmo assim, a média chinesa é maior do que as 600 calorias por refeição que alguns pesquisadores indicam para ajudar a reduzir a taxa global de obesidade.

No geral, o relatório constatou que 94% das refeições dos restaurantes de serviço completo e 72% das refeições de fast food continham 600 calorias ou mais, independentemente do país em que foram servidas. Enquanto isso, 3% das refeições servidas em restaurantes de serviço completo tinham 2000 calorias ou mais.