Natal

5 dicas para não perder tempo na cozinha no Natal

Aposte em assadeiras que possam ir direto do forno para a mesa (Foto: Reprodução)

por Esther Morel

Tempo é precioso, principalmente nos dias que antecedem a ceia de Natal. Quem está acostumado a comandar a cozinha de casa, sabe que tudo tem que ser orquestrado de forma harmônica, para não faltar nenhum prato e ninguém ficar com o copo vazio. Por isso, algumas etapas são fundamentais para organizar os festejos e não se enrolar.

Separamos 5 dicas para você colocar em prática ainda no domingo e não perder tempo na cozinha. Acompanhe!

Diminuir a louça

Pior do que passar a véspera de Natal inteiro com a barriga no fogão é passar o dia 25 lavando uma infinidade de louças. Nossa dica é separar com antecedência todos os utensílios que serão usados. Assim, você controla melhor o tanto de louças. Outra dica importante é apostar em assadeiras que possam sair do forno direto para a mesa, evitando acrescentar mais itens na pia.

Dividir a ceia com os convidados

Nem todo mundo tem a disponibilidade para cozinhar todos os pratos da ceia, então, o ideal é dividir com os convidados. Se cada um levar pelo menos uma receita pronta, já diminui bastante o tanto de horas que você precisará passar cozinhando. Mas não esqueça de combinar pratos que harmonizem entre si.

Pré-preparo

No dia anterior, faça um pré-preparo das receitas, picando ingredientes, cozinhando caldos e receitas de base para os pratos principais. Já na manhã do dia, deixe prontos os pratos que precisam apenas ser aquecidos antes de irem à mesa. É o caso de arroz, farofa, salpicão e saladas. Dessa forma, na parte da tarde a preocupação fica somente com as preparações maiores, que exigem mais tempo de forno, como bacalhau, tênder, peru e demais carnes.

Bebidas geladas e petiscos a postos

Como antes da ceia de Natal sempre tem uma confraternização, é importante deixar as bebidas gelando desde a noite anterior, para não correr o risco de esquecer ou de não dar tempo de gelar. Também é possível adiantar entradinhas frias, como pastas, saladas, queijos e embutidos, que podem ficar na mesa para os convidados petiscarem antes do evento principal.

Sobras

Se mesmo depois de encher as marmitas dos convidados ainda sobrar muita comida da ceia, uma ótima pedida é reaproveitar e fazer novos pratos simples e práticos para o almoço – ou até mesmo o lanche – do dia seguinte. O peru, por exemplo, pode ser desfiado e virar um sanduíche. Clique na aba Receitas do site da Revista Menu e inspire-se!