Comidas

Acusado de assédio, Mario Batali deixa grupo de restaurantes

No auge, o grupo Batali & Bastianich englobou dezenas de restaurantes como o Babbo de Nova York (Foto: Reprodução/iStock)

da redação da Menu

A parceria de 20 anos entre o chef Mario Batali e a família de donos de restaurantes Bastianich foi formalmente encerrada. A decisão ocorreu quase um ano após as acusações de assédio e agressão sexual contra ele.

Batali também está vendendo suas ações na Eataly, rede global de supermercados italianos. Em seu apogeu, o Batali & Bastianich englobou dezenas de restaurantes e empresas de alimentos nos Estados Unidos, Itália, Cingapura e Hong Kong.

A nova empresa, ainda sem nome será comandada por Tanya Bastianich Manuali, que vai cuidar das operações dos 16 restaurantes do grupo sob uma nova estrutura administrativa e financeira, substituindo o Batali & Bastianich Hospitality Group.

Batali divulgou um comunicado sobre a decisão. “Cheguei a um acordo com Joe e não tenho mais participação nos restaurantes que construímos juntos. Desejo-lhe boa sorte no futuro”, diz a nota.