Comidas

Restaurante Four Seasons de Nova York fecha as portas

Icônico, o restaurante The Four Seasons, em Nova York, decidiu fechar as portas (Foto: Reprodução/Facebook)

da redação da Menu

Um dos restaurantes mais icônicos de Nova York anunciou que vai fechar as portas, após 60 anos de atividade. Alex von Bidder, um dos sócios do Four Seasons explicou que não conseguiu manter a clientela e, por isso, os investidores não tinham confiança para continuar a financiar as atividades.

No site do restaurante já é possível encontrar o comunicado oficial: “Fomos privilegiados de trabalhar com o melhor time de chefs e uma equipe espetacular que ficou conosco durante tempos desafiadores no curso de nossa história. Agradecemos nossos clientes fiéis pela oportunidade e apoio ao longo dos anos”. Segundo o site, o restaurante fecha a partir desta terça-feira, 11 de junho.

Four Seasons era conhecido ponto de encontro para almoços de negócios (Foto: Reprodução/Facebook)

Durante muitos anos, o Four Seasons foi um dos locais mais influentes, conhecido por reunir executivos de Wall Street, editores e produtores de Hollywood, além de celebridades de vários ramos. Foi por causa do restaurante que a revista Esquire, em 1979, usou o termo “power lunch” para descrever reuniões de negócios que aconteciam ao meio-dia.

Em 2016, o estabelecimento perdeu seu espaço no Seagram Building, na Park Avenue, e, por isso, acabou fechando temporariamente, até reabrir, em agosto de 2018, a alguns quarteirões de distância, graças a financiamento de investidores, que desembolsaram mais de 30 milhões de dólares (cerca de R$ 116 milhões).

Brandon Lajes, Bill Yosses e Diego Garcia, o trio de chefs do Four Seasons (Foto: Reprodução/Facebook)

“Não tivemos tempo suficiente para garantir que eles [clientes] voltassem para nós. As pessoas comiam [no Four Seasons] duas ou três vezes por semana. Então, de repente, ele desapareceu por dois anos. Eles perderam o hábito”, comentou von Bidder.

Além disso, restaurante se viu envolvido em escândalos de má conduta sexual. Julian Niccolini, sócio de longa data do Four Seasons, foi forçado a renunciar em dezembro do ano passado depois de dois anos de licença por causa das denúncias.