Comidas

Consumidor buscará sabor, saúde e frescor e sabor nos alimentos, aponta pesquisa

Evento reuniu profissionais do setor de alimentos (Foto: Divulgação/Luciana Aith)

por Rogério Santos

O que o consumidor buscará quando ir à prateleira de lojas e supermercados nos próximos anos? Mais preocupado com aquilo que consome, ele busca sabor, saúde e frescor. Este é o resultado da 3° edição da pesquisa Taste Tomorrow, encomendada pela Puratos junto ao Instituto de Pesquisas InSites Consulting.

Os resultados do levantamento foram apresentados entre os dias 03 e 04 de julho durante a 3° edição do Taste Tomorrow, no Pavilhão da Bienal do Ibirapuera, em São Paulo. Os resultados da pesquisa também foram apresentados em Hong Kong, Chicago, Barcelona.

Fabio Di Giammarco, CEO da Puratos na América Latina falou na abertura do evento (Foto: Divulgação/Luciana Aith)

A pesquisa ouviu mais de 17 mil consumidores em 40 países, incluindo o Brasil e revelaram percepções sobre os segmentos de panificação, confeitaria e chocolate, apontando tendências destes setores para os próximos anos.

As empresas estão se adaptando as “novas regras” do mercado e essa pesquisa apresenta informações que auxiliam a senhar essas novas maneiras de consumo”, explica Fabio Di Giammarco, CEO da Puratos na América Latina. O evento contou com a presença de palestrantes de renome internacional, que falaram sobre tendências para o mercado de alimentação.

Rollo McIntyre, responsável pelo departamento de inovação da Ipsos UU apresentou o resultado da pesquisa, ponderando que além de buscar alimentos com menos açúcar e gorduras, não abre mão da qualidade, com sabor e qualidade. “O equilíbrio entre sabor e saúde deve estar presente nos alimentos”, disse.

Rollo McIntyre comentou sobre o resultado da pesquisa (Foto: Divulgação/Luciana Aith)

Ações de marketing e a natureza “instagramável” dos alimentos foi o tema da fala de Karen Stanton, diretora global de marketing e diretora da IFF (International Flavors & Fragrances).

Segundo ela, um conceito que deve se popularizar em breve é a “smelfie”, ou seja, a self “com cheiro”, fator que vai mudar a forma como as pessoas publicam fotos de alimentos nas redes sociais. “Em breve, os restaurantes não terão cardápio, o cliente poderá sentir o aroma dos pratos eletronicamente e decidir o que comer”, apontou.

Chef preparam pratos durante as palestras (Foto: Divulgação/Luciana Aith)

CEO da empresa Foodlosofia, Diego Ruzzarin utilizou conceitos de filosofia, psicologia e design para detalhar que apesar das constantes inovações tecnológicas, o consumidor não abre mão da qualidade no alimento que consome.

Inovação e Tecnologia – Durante o evento, algumas startups apresentaram seus projetos para a indústria alimentícia. como um aparelho de cozinha para impressão de alimentos em 3D que permite que a personalização de pratos s pessoas personalizem os alimentos e uma máquina que prepara tortillas com cápsulas semelhante as utilizadas para café expresso.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana