Cultura

Açougueiro francês faz sucesso ao vender salsicha feita com maconha

Iguaria ganhou popularidade rapidamente entre os clientes do açougue (Foto: Reprodução/iStock)

da redação da Menu

Aos 22 anos Luca Morand, um açougueiro de Marselha na França, está animado com a venda das salsichas tipo chipolatas desenvolvidas por ele. Segundo o Vice.com, o sucesso da receita se dá por um ingrediente: canabidiol (CBD), um dos compostos químicos da maconha.

Nas últimas semanas, ele vendeu mais de 15 quilos da iguaria, por por € 50 por quilo (cerca de R$ 228). Ele acredita ser o único açougueiro do país a oferecer esta variedade de chipolata.

Morand disse ao jornal francês La Provence, que há três anos sonhava em criar uma salsicha com CBD, desde que teve a ideia durante um churrasco de verão com alguns amigos.

Na França, a lei diferencia  o THC – que tem efeito narcótico e é ilegal – do CBD é que o ingrediente geralmente é usado em produtos médicos de cannabis. Com isso, pode ser comprado como tal, desde que as pessoas não o fumem e a proporção de THC por grama não exceda 0,2%.

Mas apesar do sucesso do açougueiro francês, ele não é o primeiro a combinar a substância em carnes embutidas. Em abril, a lanchonete Brat House em Milwaukee, nos Estados Unidos incluiu em seu cardápio o pineapple express.

O prato que leva  salsicha com infusão de CBD, servida com chucrute com infusão de CBD e mostarda com infusão de CBD. Já em Portland, o mercado New Seasons também vende sua própria salsicha com o composto da cannabis.