Bebida

Vila Madalena ganha bar especializado em versões de Moscow Mule

Mula Brasileira, releitura do Moscow Mule com cachaça infusionada com banana e espuma de açaí (Foto: Divulgação/Léo Feltran)

por Esther Morel

Canequinha de cobre e espuma branca e densa são os dois elementos mais marcantes do Moscow Mule, pelo menos na receita à moda brasileira – eternizada pelo premiado bartender Marcelo Serrano -, que substitui a cerveja de gengibre (ginger beer) pela espuma de gengibre.

Para quem ama a combinação, há um novo lugar em São Paulo para visitar: o Mule Mule Muleria, na Vila Madalena. O bar é especializado na receita e traz como proposta versões criativas que seguem a mesma linha do original, destacando o gengibre, o limão e, claro, a apresentação na icônica caneca.

Versão brasileira do Moscow Mule, criada por Marcelo Serrano, que substitui a cerveja de gengibre por espuma de gengibre (Foto: Divulgação/Léo Feltran)

A carta de drinques da casa é assinada por um time de bartenders: Marquinhos Félix, Sylas Rocha, Vagner Lima, além do “pai” do Moscow Mule brasileiro, Marcelo Serrano, com opções refrescantes e conceituais, perfeitas para as estações mais quentes que estão chegando.

Um dos diferenciais da casa é o preparo de todos os ingredientes no local, com destaque para a trave de sifões, localizada na lateral do bar, da qual saem os mais variados tipos de espuma, para finalizar os drinques.

Chutando a Mula, releitura do Moscow Mule com tequila e jalapeño (Foto: Divulgação/Léo Feltran)

Entre as opções de releituras do Moscow Mule estão o Red Dragon Mule (R$ 25) – saquê, purê de pitaya, xarope de gengibre, limão, cerveja de gengibre e espuma de manga -, o Mulegroni (R$ 25) – gim importado, vermute tinto, xarope de gengibre, cerveja de gengibre, espuma de Campari e laranja maçaricada – e o Mula Brasileira (R$ 25) – cachaça infusionada com banana, creme de banana, xarope de gengibre, limão, cerveja de gengibre, espuma de açaí e chips de banana.

E é claro que não poderia falta a clássica versão de Marcelo Serrano, com vodca importada, limão-siciliano, bitter e espuma de gengibre, que sai a R$ 25.

A casa ainda oferece drinques autorais dos quatro bartenders, com destaque para o Hazelnut Negroni (R$ 25), feito com rum infusionado com amêndoas e avelãs, Campari, vermute tinto e laranja-bahia.

Strogonoff, do Mule Mule Muleria (Foto: Divulgação/Léo Feltran)

Para comer, o foco é nas receitas de inspirações russas, como o Pirozhki de Carne (R$ 26), versão brasileira do pastel russo feito com carne, ovo de codorna e azeitoas pretas, acompanhado de vinagrete, e o Plov (R$ 34) com arroz, curry, cenoura, cebola e carne de panela.

Por fim, o espaço ainda conta com um serviço de janela, no intuito de aproveitar o grande movimento da Vila Madalena, especialmente nas épocas de eventos de rua. O Fast Drink oferece três coquetéis a preços mais baixos, servidos em copos reaproveitáveis e colecionáveis. São eles o Gin Tônica (R$ 15), servido em uma bolsa maleável, o Moscow Mule (R$ 15), que vem em uma caneca de acrílico, e o Frozen (R$ 25), nos coloridos e altos yard cups.

Janela Fast Drink, do Mule Mule Muleria (Foto: Divulgação/Léo Feltran)

Aqui no site da revista Menu você encontra a receita de uma das releituras, o Chutando a Mula, que leva tequila infusionada com jalapeño no preparo e espuma de agave para finalizar.

Chutando a Mula

Mule Mule Muleria
rua Aspicuelta, 459, Vila Madalena – São Paulo/SP
Terça e quarta, 17h à 1h; quinta a sábado, 16h às 2h; domingo, 16h à 0h
@mulemulemuleria