Acontece

Nuestro Secreto

'Carne con papas', a tradicional carne com batatas fritas da Argentina, no Nuestro Secreto (Foto: Divulgação)

por Esther Morel

Somente o espaço do Nuestro Secreto é um ótimo motivo para fazer uma visita, de preferência no almoço, para aproveitar a luz natural do belíssimo jardim de inverno do Four Seasons Buenos Aires, onde fica o restaurante.

Mas é claro que há muito mais do que apenas uma vista bonita. Por trás da parrilla aberta, uma das poucas mulheres argentinas a se aventurar na técnica, a chef Patricia Ramos.

Empanadas de carne: mais um prato para conhecer a tradição gastronômica portenha (Foto: Divulgação)

“Eu tive uma chance incrível com o [Juan] Gaffuri, chef executivo do hotel. Quando ele abriu o Elena, logo me contou que viria um restaurante novo, que ainda não estava pronto, mas que queria me dar esse desafio de comandá-lo”.

As entradas do Nuestro Secreto são simples, mas muito bem feitas, como a provoleta de cabra, bem tostada, e as empanadas de carne, no ponto perfeito.

Mas é a parrilla que dá o tom da casa. Assim como no Don Julio, uma das estrelas – tão secreta quanto o restaurante – é a entraña, corte do músculo que envolve o diafragma do boi. Acompanhada de uma salada de folhas verdes é praticamente autossuficiente.

Panquecas de doce de leite flambadas na parrilla, acompanhadas de sorvete de creme (Foto: Divulgação)

Porém, não deixe de pedir outros cortes, como o ojo de bife e o bife de chorizo, para ver e provar toda a técnica da chef Patricia Ramos, sempre melhor acompanhados de batatas fritas.

Como estamos falando de Buenos Aires, um bom sorvete de doce de leite fecha a refeição, e o do Nuestro Secreto tem um toque defumado especial. Na dúvida, peça as tradicionais panquecas, também de doce de leite, flambadas e acompanhadas de sorvete de creme.

A chef Patricia Ramos, do Nuestro Secreto, restaurante do Four Seasons Buenos Aires (Foto: Divulgação)

Depois de enfrentar todas as dificuldades impostas a uma mulher parrillera, Patricia se orgulha do caminho que abriu para que outras pudessem trabalhar em qualquer setor da cozinha: “Por que não uma mulher à frente da parrilla? Acredito que hoje o papel da mulher está mudando muito. É difícil, mas já são seis anos que estamos com Nuestro Secreto e, desde então, surgiram muitas ‘parrilleras‘ em Buenos Aires, que sempre fizeram os asados em suas casas. Foi como um impulso para dizer que ‘sim, nós podemos’.

Calle Posadas 1086. Recoleta.
@fsbuenosaires