Acontece

A vida botequeira de Goiânia

Disco de carne que deu errado e virou o pen drive, mais uma criação do Zé Abílio (Foto: Beatriz Marques)

Por Beatriz Marques

É praticamente impossível ir a Goiânia e não colocar o pé em um bar. A temperatura alta e o ar seco da cidade são o convite (e a desculpa) para passar horas bebendo uma cerveja gelada, curtindo alguns petiscos ou até mesmo a famosa “jantinha” antes de voltar para a casa.

Esse clima do boteco goianiense é até motivo de inspiração para muitos músicos sertanejos, mas há espaço para todos os gostos musicais e gastronômicos, como você confere a seguir nos três exemplos que retratam bem a vida boêmia na capital goiana.

Buteco do Zé Abílio
Grá Rooftop
Madalena Gastrobar

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana