Cultura

Jogo da garra com lagostas vivas causa polêmica em restaurante de Cingapura

Lagostas eram capturadas vivas (Foto: Reprodução/iStock)

Da redação da Menu

Um restaurante de Cingapura se tornou alvo de polêmica recentemente por permitir que seus clientes usassem máquinas de garra para capturar lagostas vivas. Após inúmeras reclamações, a atração foi interrompida.

De acordo com o jornal The Straits Times, o dono do restaurante disse ter pago US $ 3.000 (cerca de R$ 11,9 mil) para comprar a máquina de garras. Atualmente o mecanismo é usado apenas como vitrine para as lagostas.

A Sociedade para a Prevenção da Crueldade com Animais (SPCA) declarou que o restaurante ainda erra ao ter a máquina de garras. “Nossa preocupação é que isso dse torne uma tendência. Devemos agir rapidamente para impedir isso”, disse Jaipal Singh Gill, chefe da SPCA.

Em outro caso, Gill e a SPCA questionaram outro restaurante, que instalou uma máquina de garra. Mas ao invés de lagostas, os clientes pegavam caranguejos vivos.

O proprietário do restaurante alegou que seu objetivo com a atração foi de ensinar as crianças a diferenciar os caranguejos machos das fêmeas.