Comidas

Degustação de panetones 2019: Põe chocolate, por favor

Chocotones já viraram tradição de Natal e as receitas de 2019 foram muito bem avaliadas (Foto: Reprodução/iStock)

por Esther Morel

Põe chocolate, por favor

O pessoal das frutas cristalizadas que me perdoe, mas as gotas de chocolate levam qualquer panetone a outro patamar. A combinação da massa com o chocolate tende a derreter na boca, enquanto as receitas que optam por misturar com as polêmicas frutinhas dão notas mais ácidas, alcoólicas, que brincam com os paladares mais apurados.

Desde que os ingredientes sejam de qualidade, a verdade é que quanto mais simples, mais chance da receita dar certo, como podemos ver nesta categoria que engloba apenas chocotones, sem recheio, misturados ou não com frutas cristalizadas.

Chocotone clássico com gotas de chocolate e fermentação natural – Mondo Gastronômico (Foto: Divulgação/Feltran Fotografia)

Mondo Gastronômico – 500g – R$ 68

Sob comando criativo de Salvatore Loi e Rodolfo Maniçoba, o Mondo Gastronômico desenvolveu seus panetones próprios em 2019. A receita é preparada com fermentação natural, que leva de 48 a 56 horas, o que é facilmente notado desde o momento do corte: a massa é fofinha e leve, com alvéolos bem pronunciados e bastante úmida – desde que consumida dentro do pequeno prazo de validade. O chocolate é de boa qualidade e derrete na boca, dando um resultado excelente, ótima pedida na faixa do “simples que impressiona”.
O restaurante também oferece a receita tradicional, com frutas cristalizadas (R$ 50, 500g). Pedidos e encomendas pode ser feitos pelo telefone (11) 3061-2787 ou pelas redes sociais.
@mondogastronomicooficial

Chocotone com gotas de chocolate belga – Casa Carandaí (Foto: Divulgação)

Casa Carandaí – 100g ou 500g – R$ 18 ou R$ 52

Bastante conhecida do público carioca na época do Natal, a Casa Carandaí lançou este ano seu panetone artesanal de fabricação própria. O produto é muito fresco, produzido todos os dias pela equipe da padaria, natural e sem conservantes. A receita com chocolate belga foi a escolhida para a degustação, e acabou muito bem avaliada, mostrando que o básico, quando bem feito, pode surpreender. O sabor agradou bastante os convidados – que ficaram tentados a entrar numa ponte aérea para garantir um exemplar -, com chocolate de qualidade, que derrete na boca, e massa úmida e fofinha.
O chocotone pode ser encontrado na versão mini (R$ 18, 100g) e a marca também fez uma receita tradicional com frutas cristalizadas (R$ 52, 500g ou R$ 18, 100g).
@casacarandai

Panetone com gotas de chocolate e pedaços de laranja cristalizada, coberto com açúcar e amêndoas inteiras – Bráz Pizzaria (Foto: Reprodução/Instagram)

Bráz – 1kg – R$ 78

Um dos panetones clássicos na mesa do paulistano é o da Bráz. Em 2019, a receita ganhou finalização nova – que justifica a entrada na nossa degustação: uma generosa cobertura de açúcar com amêndoas inteiras. A mudança é positiva e não deixa nada a desejar em relação a anos anteriores. A massa é úmida e fofinha, com boa distribuição de gotas de chocolate e laranjas cristalizadas – em uma fatia é possível ter toda a experiência da receita. A cobertura de açúcar dá uma crocância interessante e as amêndoas inteiras combinam muito bem com os demais ingredientes. Um dos diferenciais é a apresentação, em uma lata vermelha, bem natalina, que fica bonita no aparador da sala ou mesmo na mesa de jantar, antes de servir a ceia.
Também é possível adquirir um kit (R$ 129) que já vem no clima das festas de fim de ano, no qual o panetone vem acompanhado do espumante Giornata per Bráz, feito exclusivamente para a casa pela Família Salton. Ambas as opções podem ser encontradas em todas as unidades da pizzaria e também na trattoria.
@brazpizzaria

Cioccolato e Uvetta, panetone com gotas de chocolate ao leite e uvas passas com cobertura açucarada e amêndoas (Foto: Divulgação)

Eataly – 500g – R$ 49,90

Com grande expertise na gastronomia italiana, o Eataly BR desenvolveu, em parceria com a Bauducco, três receitas exclusivas para a rede, criadas pelos chefs-executivos, liderados por Thiago Saldiva. Selecionamos a Cioccolato e Uvetta, que tem gotas de chocolate ao leite, uvas passas e cobertura de açúcar e amêndoas. A massa é de fermentação natural e logo na hora do corte o aroma de baunilha aparece mais presente. A proporção de gotas de chocolate e uvas passas é adequada e uniforme na fatia. O panetone é fofinho e levemente úmido (poderia ser mais) e o resultado é muito bom na boca. É uma ótima pedida para quem gosta do chocotone simples, mas também é do “time uvas passas em tudo no Natal”.
As outras duas receitas não degustadas da marca são Tradizione, com damasco, frutas cristalizadas e uvas passas, coberto com confeitos açucarados, e Cioccolato, com gotas de chocolate ao leite e coberto com chocolate ao leite.
@eatalybr

Panetone com gotas de chocolate e laranja siciliana cristalizada – Lindt (Foto: Divulgação)

Lindt – 700g – R$ 99,90

A combinação de laranja cristalizada com chocolate aparece novamente, desta vez no exemplar da Lindt, renomada marca suíça de chocolates. A massa é um pouco pesada demais e ressecada, mas a combinação de laranja siciliana com chocolate amargo é muito bem-vinda. O custo-benefício não é dos melhores, mas é uma opção boa para quem quer fugir dos panetones muito doces.
A marca ainda tem mais um lançamento em 2019 (não degustado), o panetone Trufado Chocolate ao Leite (R$ 119,90, 900g).
@lindt_brasil

Panetone tradicional de frutas cristalizadas com cobertura de chocolate ao leite (Foto: Divulgação)

Tchocolath – 650g – R$ 125

Mais uma opção para quem gosta da combinação frutas cristalizadas e chocolate, o exemplar da Tchocolath fica lindo à mesa, com sua decoração de cobertura de chocolate ao leite – blend exclusivo da loja – e estrelas de chocolate branco, e só por isso já chama a atenção. O chocolate fica só na cobertura, pois o panetone em si é composto de frutas cristalizadas. A massa é correta, sem muito destaque, mas poderia ser um pouco mais fofinha: o produto degustado acabou ficando um pouco compacto demais, mas não compromete o resultado. O maior problema é o custo-benefício, que fica salgado demais, porém, segue a proposta da marca de ser uma chocolateria premium, com ingredientes de altíssima qualidade e exclusivos.
@tchocolath