Noticias

Com 90 anos, Dino Impagliazzo é o ‘chef dos pobres’ de Roma

Dino Impagliazzo, ao centro, tem uma fundação para alimentar moradores de rua (Foto: Facebook)

da redação da Menu

Não existe idade para ajudar os outros com boas ações. Quinze anos atrás, o funcionário público aposentado Dino Impagliazzo, então com 75 anos, decidiu preparar sanduíches para ajudar moradores de rua de Roma. Hoje, aos 90 anos, Impagliazzo mantém uma fundação dedicada a alimentar os menos favorecidos.

Tudo começou quando Impagliazzo foi abordado por um homem que pedia dinheiro para comprar um sanduíche em frente a uma estação de trem. “Pensei que seria melhor eu mesmo fazer os sanduíches para ele e outras pessoas”, disse o chef, que antes disso não tinha nenhuma experiência com uma cozinha profissional, em uma entrevista à agência de notícias Reuters.

+Filho de Will Smith abre food truck de comida vegana para alimentar sem-teto
+Instituto Fermento oferece aulas de panificação para mulheres negras

A inciativa levou à criação da associação RomAmoR. Três vezes por semana, Impagliazzo e voluntários visitam mercados e restaurantes arrecadando ingredientes para o projeto. Os outros dias são dedicados a cozinhar as refeições, que depois são entregues aos moradores de rua.

Hoje, a RomAmoR tem 300 voluntários e uma cozinha profissional para dar conta do trabalho de preparar centenas de porções por dia.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana