Noticias

Consumo de bebidas alcoólicas dispara nos EUA com quarentena

Foto: iStock

da redação da Menu

Com os bares fechados, a única opção para tomar um trago é em casa – e os norte-americanos estão mandando ver, segundo levantamento feito pela Nielsen, empresa que mede as vendas do varejo no país.

Segundo a pesquisa, as vendas de bebidas alcoólicas aumentaram 55%, em média, na terceira semana de março deste ano, em comparação com o mesmo período de 2019. O período coincide com a decisão tomada por vários Estados de decretar quarentena e medidas de isolamento social.

+Vendas de bacon caem nos EUA por causa de quarentena
+Quarentena faz vendas de queijo caírem 60% no Brasil
+Aprenda a usar o freezer como aliado durante a quarentena

As vendas de pacotes com 24 ou 30 cervejas cresceram cerca de 90% no período, enquanto a demanda por coquetéis prontos para beber, como gim-tônica, subiu 106%, indicando que as pessoas estão estocando bebidas alcoólicas.

A tendência, no entanto, é que as vendas caiam daqui para a frente: economistas esperam por recessão e demissões, que levarão as pessoas a gastar suas reservas com itens mais essenciais.