Noticias

Gordon Ramsay reabre dois de seus restaurantes no Reino Unido

Foto: Fox/Divulgação

da redação da Menu

O polêmico chef Gordon Ramsay anunciou a reabertura de mais um de seus restaurantes em Londres, o gastropub York & Albany. Na semana passada, ele reabriu o The Narrow, à beira do rio Tâmisa.

“Foi um sucesso”, disse o chef em uma postagem no Instagram. Os dois restaurantes, no entanto, só podem reabrir para pedidos por delivery ou para retirada e não há prazo para que os salões reabram completamente ao público.

Gordon Ramsay volta a desrespeitar quarentena na Inglaterra
Gordon Ramsay provoca vizinhos de sua mansão na Cornualha
Vizinhos criticam Gordon Ramsay e pedem para ele se mudar

Ramsay, no entanto, está sendo atacado por ter usado o auxílio emergencial fornecido pelo governo britânico para pagar 500 funcionários que ele demitiu de seus restaurantes por causa da pandemia de coronavírus.

De acordo com as regras do Reino Unido, a ajuda emergencial tem o objetivo de manter a estabilidade dos trabalhadores enquanto durar a pandemia – o que Ramsay não respeitou. O auxílio oficial custará 80 bilhões de libras (quase R$ 510 bilhões) ao governo britânico.

Uma fonte que pediu para não ser identificada disse ao jornal The Sun que funcionários com altos salários dos restaurantes de Gordon Ramsay tiveram seus salários reduzidos ou foram transferidos para posições com salários mais baratos. Um supervisor, por exemplo, foi alocado como barmen.

Segundo o The Sun, haverá uma investigação para determinar se o chef usou indevidamente o dinheiro dos contribuintes para aumentar os lucros de sua empresa.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana