Noticias

Vegetarianos tendem a ser mais magros e introvertidos, diz estudo

Foto: iStock

da redação da Menu

Um estudo feito conjuntamente pela Hospital Universitário de Leipzig e o Instituto Max Planck para a Cognição Humana e Ciências do Cérebro, ambos na Alemanha, fez uma descoberta interessante.

Após analisar dados de mais de 6 milhões de alemães que se declararam vegetarianos, eles afirmaram que aqueles que seguem uma dieta sem carnes costumam ser mais magros e introvertidos que os carnívoros em geral.

+Churrascaria de Porto Alegre vira restaurante 100% vegano
+Associação recomenda cortar bebidas alcoólicas para evitar câncer
+Aos 103 anos, mulher celebra cura do coronavírus com cerveja

O estudo avaliou 9.000 pessoas, mas não levou em considerações de idade, gênero ou nível de educação. Segundo o levantamento, quanto menor o consumo de proteína animal, menor o Índice de Massa Corporal desses indivíduos.

Uma das explicações é o menor consumo de alimentos processados. “Ricos em gordura e açúcar, esses produtos estimulam o apetite e adiam a sensação de saciedade. E os vegetarianos consomem menos esses alimentos”, disse Evelyn Medawar, uma das autoras do estudo.

Os pesquisadores afirmaram também que dietas vegetarianas ou veganas influenciam as personalidades das pessoas. Segundo o levantamento, aquelas que afirmaram ter reduzido ou cortado completamente os alimentos de origem animal de seu dia a dia também se mostraram menos extrovertidas, mas ainda não há uma conexão clara.

“É difícil dizer determinar um motivo. Pode ser que essas pessoas se sintam segregadas por causa de seus hábitos alimentares”, disse outra pesquisadora, Veronica Witte, que pretende aprofundar os estudos sobre esse tema.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana