Noticias

Dona Dega, do restaurante Tordesilhas, morre aos 91 anos

Mesmo com algumas diferenças, as duas cozinheiras mantêm a sintonia. "De vez em quando tem que ter uma briguinha, senão a cozinha não funciona", brinca dona Dega

da redação da Menu

Dona Dega, mãe da chef Mara Salles e um dos pilares do Tordesilhas, um dos mais premiados restaurantes de gastronomia brasileira, morreu nesta semana aos 91 anos por causa de um câncer no ovário. “No Tordesilhas ela foi fundamental e compartilhou por muito tempo sua experiência e talento, sempre com muita doçura e afeto. Os anjos estão em festa”, informou o perfil oficial do Tordesilhas no Instagram.

+Mãe da chef Mara Salles é sua grande inspiração na cozinha

Em entrevista à Menu em 2017, Mara disse que, não fosse por sua mãe, o Tordesilhas nunca teria existido. Insatisfeita com o trabalho como secretária-executiva de um banco, a chef – que à época nem sabia cozinhar –, pensou em abrir um restaurante. Para isso ela precisava da ajuda de Dona Dega.

View this post on Instagram

DONA DEGA AGORA COZINHA NO CÉU São Benedito, o santo dos cozinheiros, querido e conhecido por sua humildade e generosidade, avisou que estava cansado e precisava de uma ajudante. Uma auxiliar que tivesse a sua vida regida pela sabedoria, pela benevolência, com um tempero especial, que alimentasse a alma. Atendendo à solicitação do mestre, Dona Dega resolveu que já era hora de ir preparar outras ceias e deliciosos quitutes no céu. E foi ontem, aos 91 anos. No Tordesilhas ela foi fundamental e compartilhou por muito tempo sua experiência e talento, sempre com muita doçura e afeto. Os anjos estão em festa. Obrigado, Dona Dega. A senhora ensinou e continua sendo referência para cozinheiros, estagiários, funcionários, amigos e até clientes do restaurante . A senhora continua viva em nossos corações.

A post shared by Restaurante Tordesilhas (@tordesilhas) on

“Eu falei: ‘Mãe, tou com uma ideia aqui, mas acho que a senhora não vai gostar. Tou com vontade de abrir um restaurante. A senhora topa trabalhar comigo?’”, perguntou. Para surpresa de Mara, ela topou sem titubear. “Na hora gostei muito da ideia, sempre pensei em ter um restaurante”, lembra Dega.

“Foi engraçado, achei que ela fosse colocar uns panos quentes e falar para eu não sair do banco, que tinha um bom emprego. Mas que nada. Eu vim com o fogo e ela veio com a gasolina. E aí fomos, as duas doidas”, diz a chef, dando risada.

Para conhecer um pouco mais da história de Dona Dega, Mara Salles e do Tordesilhas, confira aqui a íntegra da reportagem da Menu.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana