Noticias

Burger King e McDonald’s vão remover ingredientes artificiais no Brasil

Whooper sem conservantes fica desse jeito após 34 dias (Foto: iStock)

da redação da Menu

Burger King e McDonald’s, concorrentes e duas das principais redes de fast-food presentes no Brasil, anunciaram que vão remover, em partes, conservantes, corantes e aromatizantes artificiais de seus cardápios.

+BK mostra Whooper mofado para provar que não usa conservantes
+Burger do McDonald’s guardado por 24 anos parece novo
+Rei do Burger King e Ronald McDonald se beijam em anúncio

No caso do Burger King, a empresa anunciou o lançamento do Whooper, sanduíche carro-chefe da marca, livre de conservantes. Por enquanto, o burger sem conservantes artificiais será vendido apenas em algumas das lojas da cidade de São Paulo.

A empresa se comprometeu a levar o novo Whooper a todas as suas unidades até 2021 e destacou que, atualmente, 70% de seu cardápio já é livre de ingredientes de origem artificial. A expectativa é de que, até o final de 2021, 100% do menu seja feito somente a partir de fontes naturais.

Já o McDonald’s anunciou a remoção de corantes e aromatizantes artificiais de alguns dos principais ingredientes usados em sanduíches e outros produtos.

Entre os itens que agora estão livres de aromatizantes artificiais o mix usado no sorvete de baunilha, o molho do Big Mac e os molhos barbecue, ranch e mostarda. O queijo cheddar em fatias também só terá mais aromatizantes e corantes naturais.

De acordo com a empresa, as mudanças afetam diretamente produtos como Big Mac, Cheeseburger e Quarterão, cujos pães já não possuíam nenhum destes aditivos artificiais, assim como o molho agridoce, molho caipira, ketchup, picles e Chicken McNuggets.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana