Noticias

Morre o lendário chef Pierre Troisgros, aos 92 anos, na França

Foto: Wikipedia

da redação da Menu

Morreu nesta quarta-feira (23) o chef francês Pierre Troisgros, que, junto com seu irmão Jean, se tornou famoso na década de 1950 ao revolucionar a gastronomia francesa com o movimento que ficou conhecido como Nouvelle Cuisine.

+Claude Troisgros desmente fechamento de restaurantes no Rio
+Chef Claude Troisgros lança em São Paulo livro sobre sua trajetória na cozinha
+Restaurante de Paul Bocuse perde terceira estrela Michelin

“Pierre Troisgros faleceu em sua casa em Coteau (próximo à cidade de Roanne) no início da tarde”, informou o diretor da Maison Troisgros, Patrice Laurent, que trabalha para a casa há 30 anos, à agência de notícias France Presse.

Ao lado de Paul Bocuse, morto em 2018, Pierre e Jean são apontados como os criadores a Nouvelle Cuisine, movimento que buscava valorizar a qualidade dos ingredientes e a apresentação dos pratos e que até hoje tem forte influência na gastronomia mundial.

“A equipe está com o coração pesado esta noite. Soubemos da morte do chef Pierre Troisgros, que foi companheiro de viagem do sr. Paul por 70 anos de uma amizade extraordinária”, reagiu no Twitter a equipe do restaurante Paul Bocuse.

O legado de Pierre Troisgros também está bastante presente no Brasil através do renomado chef Claude Troisgros, seu filho mais velho, conhecido pelo restaurante Olympe no Rio de Janeiro e que agora está expandindo sua atuação para São Paulo com os restaurantes Chez Claude e Do Batista.

No Instagram, Claude postou uma foto de seu pai e uma mensagem de despedida. “Papa nos educou com Amor, sabedoria e generosidade. Ele foi um pai exemplar. Chef Pierre marcou gerações de cozinheiros com sua mente livre, alegre e criativa. Mr Troisgros foi um homem do bem, viveu a vida plenamente. Orgulho de ser seu filho. 1928 – 2020”, escreveu.

Biografia
Nascido em 3 de setembro de 1928, Pierre era conhecido pelo seu invariável bigode e o sorriso bem-humorado. Ele foi criado com seu irmão mais velho, Jean, no sabor da boa mesa por seus pais, à frente do Hôtel Moderne, em Roanne.

Os dois irmãos conquistaram a primeira estrela em 1955. O restaurante se tornou Les Frères Troisgros, com Pierre liderando a cozinha, Jean responsável pelos molhos e o pai, Jean-Baptiste, no salão e na adega. A segunda estrela foi atribuída à casa Roanne em 1965, e a terceira, em 1968.

Quando Jean morreu repentinamente em 1983, o segundo filho de Pierre, Michel, nascido em 1958, juntou-se ao pai na cozinha, antes de assumir a liderança. Agora trabalha com seu filho, César, representante da quarta geração de Troisgros, no restaurante instalado desde fevereiro de 2017 na pequena Ouches, a cerca de 10 km de Roanne.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana