Noticias

MasterChef: campeão do 14º episódio não sabia fritar ovo até os 18 anos

Foto: Carlos Reinis/Band

da redação da Menu

Muita gente acredita que cozinhar é um dom. Mas esse talento pode ser descoberto mais tarde e aprimorado com muito estudo e dedicação, como demonstrou o engenheiro de produção Lucas Cicolin, de 30 anos, na madrugada desta quarta-feira, ao conquistar o título de campeão do 14º episódio do MasterChef Brasil.

+MasterChef: fãs fazem vaquinha virtual para ajudar Dona Margarida
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio
+MasterChef: eliminada em 2016 tem 2ª chance e conquista título

Até os 18 anos, ele não sabia fritar um ovo. Foi com essa idade, porém, que ele se mudou para Joinville para fazer a faculdade de engenharia e cozinhar virou uma necessidade. “Na época, minha mãe fez um livro de receitas a mão com o que eu precisava saber e me deu”, disse, em entrevista ao Portal da Band.

Desde então, Cicolin tem dividido o gosto pela cozinha com a profissão: após se formar, ele fez mestrado e doutorado. Mas nos últimos tempos a gastronomia tem falado mais alto. “90% das minhas fotos eram de comida. Às vezes, ficava horas nas redes sociais ou na internet estudando receitas e empratamento”, contou.

A dedicação deu certo e o engenheiro se destacou no 14º episódio, vencendo as duas provas da noite. Na primeira, ele cozinhou um arroz de hauçá, prato clássico da culinária baiana, que impressionou a chef e jurada Paola Carosella. Na segunda etapa, seu filet au poivre conquistou todos os jurados.

Agora, Cicolin pensa em uma forma de unir engenharia e culinária. “No MasterChef, aprendi que nunca é tarde pra começar alguma coisa”, disse o campeão.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana