Noticias

MasterChef: campeã contrariou ordem de Jacquin para vencer

Foto: Carlos Reinis/Band

da redação da Menu

Às vezes é preciso contrariar algumas ordens para vencer um desafio. Foi o que fez a dona de casa Dayanna Gizella, de 33 anos, para se sagrar campeã do 16º episódio da atual temporada do “MasterChef Brasil”.

+Jacquin detona participante do MasterChef: “Isso aqui me dá nojo”
+Jacquin testa positivo para covid antes de gravação na Band
+“Nunca vi ninguém triste comendo bolo”, diz campeã do MasterChef

Na prova final, Dayanna avisou aos jurados que iria preparar três pratos inspirados nas populares comidas de rua brasileiras, ideia que foi criticada pelo jurado Erick Jacquin.

Determinada, a cozinheira amadora ignorou a recomendação do chef francês e fez caldo de mandioquinha, chips de batata e, para encerrar, cocadinha – e isso tudo em apenas 45 minutos, 15 a menos que os outros participantes.

Além de impressionar os jurados com sua habilidade, todos aprovaram as comidinhas de Dayanna. “Falei para ela não fazer os três pratos, ela não me obedeceu e eu detesto isso. Mas ela estava certa”, comentou Jacquin no fim do programa.

Parte do prêmio de R$ 5 mil já tem destino certo: a dona de casa vai comprar uma máquina de lavar nova, pois a sua quebrou há pouco tempo. A campeã também pretende se dedicar a gastronomia.

“Penso em algo relacionado à culinária porque é muito bom ser elogiado por algo que você já faz, mas ter técnica também é interessante”, disse Dayanna ao “Portal da Band”, após receber o troféu de MasterChef.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana