Noticias

Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz

Foto: iStock

da redação da Menu

Um estudo divulgado no final de outubro pela Universidade de Sheffield, no Reino Unido, afirma ter encontrado o jeito mais saudável de cozinhar arroz branco e integral. A técnica promete remover boa parte das impurezas presentes no cereal, ao mesmo tempo que mantém seus nutrientes.

+Ciência explica como fazer o arroz frito perfeito
+Café, arroz e feijão são os alimentos preferidos dos brasileiros
+Não desperdice arroz! Veja 7 receitas para aproveitar tudo

O objetivo do estudo foi remover as altas concentrações de arsênico encontradas no arroz. A substância se desenvolve espontaneamente nas terras alagadas usadas para plantar o cereal e é considerada potencialmente cancerígena, além de causar diabetes e outras doenças.

Para eliminar a perigosa substância, os pesquisadores primeiro ferveram água em uma panela e então adicionaram o arroz, cozinhando o grão por cinco minutos. Passado esse tempo, o cereal foi lavado em água corrente e então cozido em fogo baixo com água filtrada até ficar macio.

O resultado, afirmam os pesquisadores, foi animador: o método conseguiu remover 50% do arsênico encontrado no arroz integral e 74% da substância presente no arroz banco.

Manoj Menon, cientista ambiental da Universidade de Sheffield e principal autor do estudo, a principal vantagem deste método de cocção é que ele preserva os micronutrientes do cereal.

“Outros estudos indicam que é possível remover o arsênico cozinhando o arroz em grandes quantidades de água, mas essa técnica elimina os nutrientes do alimento”, afirmou.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana