Noticias

Trump afoga mágoas com fast-food e cheiro empesteia Casa Branca

Foto: Reprodução/Twitter

da redação da Menu

A essa altura, não é segredo para ninguém que Donald Trump, o ainda presidente dos Estados Unidos, está com dificuldades para aceitar a derrota para o candidato democrata Joe Biden, nas eleições realizadas na terça-feira passada (3).

+Trump diz que só aprovará ajuda a restaurantes se for reeleito
+Garçonete se recusa a usar máscara em apoio a Trump e é demitida
+Com paralisação do governo, Trump oferece hambúrguer e batata frita na Casa Branca

Apesar de a vitória de Biden ter sido anunciada no último sábado (7), Trump ainda não reconheceu o resultado e promete entrar com vários recursos na Justiça norte-americana para recontar votos e tentar reverter o quadro.

Enquanto desenvolve sua estratégia, o empresário e ex-apresentador do reality show “O Aprendiz” está afogando as mágoas com montanhas de fast-food – e empesteando a Casa Branca com o cheiro de hambúrgueres, batatas fritas e frango frito, de acordo com fontes anônimas ouvidas pelo tabloide britânico “The Daily Mail”.

Segundo essas fontes, os odores vindos do Salão Oval são “exuberantes e tóxicos”, o que tem levado alguns funcionários de longa data da Casa Branca a acender velas com aromas de rosas, na tentativa de melhorar o ambiente e aliviar o cheiro.

A situação deve durar por mais um bom tempo. De acordo com o “The Daily Mail”, Trump não pretende aceitar a derrota tão cedo e nem mesmo considera a hipótese de participar da cerimônia de posse de Biden para fazer a transmissão formal do cargo

Assim, o mais provável é que o cheiro de fast-food permaneça na Ala Oeste da Casa Branca por mais alguns meses. Os funcionários terão que reforçar o estoque de velas aromáticas.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana