Noticias

Belo Horizonte proíbe consumo de álcool em bares e restaurantes

Foto: iStock

da redação da Menu

A prefeitura de Belo Horizonte anunciou hoje medidas mais duras para conter a pandemia do novo coronavírus: a partir de segunda-feira (7), fica proibido o consumo de bebidas alcoólicas em bares e restaurantes. O consumo de outros alimentos e bebidas continua liberado, de acordo com reportagem do site “G1”.

+Bares e restaurantes de SP voltam a funcionar em horário reduzido
+66% dos restaurantes de SP estão no vermelho, diz Abrasel
+Restaurantes oferecem maior risco de transmissão de covid, diz estudo

O prefeito da capital mineira, Alexandre Kalil (PSD), justificou a medida alegando que o número de casos confirmados de covid-19 cresceu consideravelmente nas últimas semanas.

Segundo o último boletim, 55.039 casos de covid-19 foram confirmados em Belo Horizonte até a quinta-feira (3), sendo que 1.675 pessoas morreram por causa da doença.

Em decreto publicado no Diário Oficial de Belo Horizonte, a administração municipal ainda estabelece que serviços de alimentação, para consumo no local, exceto de bebidas alcoólicas, como restaurantes, cantinas, sorveterias, bares e similares poderão ficar abertos diariamente das 11h às 22h. Padarias e lanchonetes, por sua vez, poderão funcionar diariamente das 5h às 22h.

Em entrevista à GloboNews na quarta-feira (2), Kalil afirmou que não há intenção de fazer um lockdown. “Ninguém é mais inteligente que ninguém. Vi o que a Europa estava fazendo e fiz igual”, afirmou.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana