Noticias

Cliente chama dona de lanchonete no Paraná de “chimpanzé”

Foto: iStock

da redação da Menu

Débora Caroline da Silva, proprietária da lanchonete Maika’i Chopperia, na cidade de Arapongas (PR), foi vítima de injúria racial por parte de uma cliente, que a chamou de “chimpanzé”. O caso aconteceu na terça-feira passada (8).

+Procon-SP multa churrascaria que ironizou crimes famosos
+Cidade italiana é acusada de racismo por proibir kebabs
+Cervejaria negra de Porto Alegre é alvo de ataques racistas

Segundo Débora, a filha de uma cliente foi até a lanchonete e pediu dois sanduíches. Caroline avisou que os lanches ficariam prontos em 15 minutos, mas a jovem só foi retirar o pedido 1 hora depois.

Ao voltar à lanchonete, a cliente começou a reclamar que os lanches estavam frios. Débora tentou explicar o motivo, mas a cliente se irritou e deixou o local. Depois de alguns minutos, mãe da jovem foi até o endereço para tirar satisfações e ambas teriam discutido

Irritada, a cliente teria jogado os lanches no chão e ofendido a proprietária do estabelecimento com diversas palavras de baixo calão. Por fim, ela teria chamado a proprietário do estabelecimento de “chimpanzé”.

De acordo com Débora, a confusão foi presenciada por outras pessoas que estavam no local. A comerciante acionou a Polícia Militar (PM), mas a cliente já havia deixado o estabelecimento quando uma viatura chegou.

A Polícia Civil informou que investiga o caso e a mulher suspeita de injuria racial já foi identificada e será intimada, de acordo com o site “TN Online”.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana