Noticias

Bares e restaurantes vão à Justiça contra novas restrições em SP

Foto: iStock

da redação da Menu

A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de São Paulo (Abrasel-SP) anunciou que vai entrar nesta segunda-feira (14) com uma ação judicial contra o governo do Estado.

+Governo de SP reduz horário de funcionamento de bares
+Proibição de bebidas alcoólicas em BH tem protestos e ações judiciais
+66% dos restaurantes de SP estão no vermelho, diz Abrasel

Na sexta-feira passada (11), o governador João Doria (PSDB) determinou a redução do horário de funcionamento de bares e limitou a venda de álcool em restaurantes, que só podem servir bebidas alcoólicas até as 20h.

“Entraremos com ação para tentar reverter o abuso dessa restrição”, afirmou Percival Maricato, presidente da Abrasel-SP ao jornal O Estado de S. Paulo. “Não há qualquer estudo que fundamente esse absurdo”, acrescentou Maricato.

Segundo o presidente da Abrasel-SP, cerca de 30% dos bares e restaurantes do Estado faliram desde março, quando a foram decretadas medidas para conter a pandemia de coronavírus.

“Antes que outros estabelecimentos fechem, é necessário reunir a sociedade, como sindicatos, associações de bairro e até a Igreja para discutir essas novas regras, curiosamente impostas após as eleições.”

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana