Noticias

Caçadora de cobras faz cookies com ovos de píton birmanesa

Foto: Reprodução/Instagram

da redação da Menu

Donna Kalil é uma experiente caçadora de serpentes do sul da Flórida (EUA). E ela aproveitou seu conhecimento para preparar uma receita inusitada neste Natal: cookies com ovos de uma píton birmanesa.

+Cobra é encontrada dentro de embalagem de brócolis em SC
+Funcionário de 70 anos da Taco Bell recebe caixinha de Natal de R$ 30 mil
+Homem é preso por agredir namorada com pedaço de pizza

Para valorizar os ingredientes, Donna ainda fez uma brincadeira e moldou os biscoitos em formato de serpentes.

Instagram will load in the frontend.

“Ovos de pítons birmanesas são uma grande fonte de proteína e um jeito de aproveitar tudo que os animais nos oferecem, além do couro”, disse Donna, em entrevista ao jornal “Miami Herald”.

Donna contou ainda que gosta de comer os ovos cozidos ou fazer omeletes com o ingrediente. Ela também procura usar toda a carne das cobras que captura. “Servem para preparar molhos para macarrão e hambúrgueres, especialmente se forem combinados com carne de porco”, garante.

As pítons birmanesas se tornaram um problema na Flórida na década de 1980, quando muitas pessoas compravam essa espécie de serpente como animais de estimação.

Sem conseguir cuidar dos animais, porém, os donos soltavam as cobras na região dos Everglades, uma área pantanosa que fica ao sul do Estado. As serpentes se adaptaram ao ambiente e começaram a se reproduzir rapidamente.

Por causa disso, as autoridades locais pagam para que os moradores da região cacem os animais e encoraja o consumo da carne de cobra, como uma maneira de controlar a população de pítons birmanesas.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana