Receitas

Dia da Margarita: aprenda a fazer versão do drinque com laranja

Feita com tequila, licor de laranja e suco de limão, a Margarita é um drinque automaticamente associado ao México. Sua origem exata é incerta: há quem diga que a primeira Margarita foi preparada na cidade de Tijuana, em 1937, enquanto outra versão garante que o coquetel foi criado em 1948 pela socialite norte-americana Margaret Sames em sua casa de veraneio em Acapulco.

O coquetel ficou popular nos EUA no começo do século 20, por causa da Proibição. Como não era permitido beber no país, muitas pessoas viajavam ao México para tomar uns tragos e curtir as férias. Quando o consumo de bebidas alcoólicas voltou a ser liberado, as Margaritas se espalharam pelos bares norte-americanos.

O drinque é tão apreciado por lá que 22 de fevereiro foi escolhido como Dia Nacional da Margarita. É a deixa para bares de todo o país oferecerem promoções e receitas diferentes do clássico mexicano.

Com muitos bares fechados no Brasil por causa da pandemia (ou com horário limitado de funcionamento), a sugestão da Menu é que você comemore a data em casa, com uma versão que leva suco de laranja. Se quiser, pode usar outras frutas: o importante é que elas tenham alguma acidez, para compensar a doçura do licor. Confira a seguir.

+Margarita de laranja: drinque fica pronto em minutos

(*) Da redação da Menu

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana