Noticias

Mais de 50% dos petiscos “saudáveis” têm muito sal ou gordura, diz estudo

Foto: iStock

Mais da metade dos petiscos rotulados como saudáveis à venda no Reino Unido têm grandes quantidades de sal, gordura e/ou açúcar, indica um estudo feito pela Action on Salt, organização que defende a redução desses ingredientes na alimentação.

+Cervejas no Brasil estão entre as mais baratas do mundo, indica ranking
+Protocolos contra covid não funcionam em bares, diz estudo
+Frituras aumentam risco de infarto em 28%, afirma novo estudo

O levantamento analisou a composição de cerca de 120 produtos, como salgadinhos feitos com lentilhas e batatas fritas, e descobriu que alguns deles têm mais sal que a água do mar.

Em entrevista ao jornal britânico “The Guardian”, Sonia Pombo, gerente da Action on Salt, afirmou que os dados coletados mostram que as agências governamentais precisam fiscalizar melhor os rótulos dos alimentos.

De acordo com Sonia, muitas vezes as embalagens destacam a redução de calorias, por exemplo, enquanto as quantidades de sódio e/ou açúcar ficam “escondidas” no verso, na tabela com as informações nutricionais.

A gerente da Action on Salt ressaltou também que esse não é um problema exclusivo do Reino Unido e a prática é comum entre as empresas de alimentos no mundo inteiro.

(*) Da redação da Menu

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana