Noticias

Jantar clandestino de R$ 3.300 é investigado por violar restrições da pandemia em Paris

Foto: iSotck

Uma câmara escondida expôs membros da elite de Paris, na França, desfrutando de um jantar clandestino em restaurantes de luxo, pelo canal M6.

+Conheça o L’Imperial, drinque que custa 5 mil dólares
+Aprenda a fazer em casa okonomiyaki, a panqueca japonesa

Por desrespeitarem as restrições impostas devido à pandemia de Covid-19, um inquérito foi aberto e o promotor da cidade iniciará uma investigação, segundo a emissora norte-americana CNN.

“Estamos investigando possíveis acusações de ameaça e trabalho não declarado”, disse um porta-voz do promotor. “Vamos verificar se os encontros foram organizados em violação às regras sanitárias e determinar quem foram os potenciais organizadores e participantes”, emendou.

Na reportagem, uma jornalista disfarçada é questionada por quem foi convidada e é informada: “Depois que você passar pela porta, não haverá mais Covid”. O maitre  ainda explica que o preço menu vai de € 160 (R$ 1.070, em conversão direta) a € 490 euros (cerca de R$ 3.300) por pessoa. A opção mais cara dava direito a champanhe, foie gras com trufas e lagostins com molho de gengibre.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana