Noticias

Este homem tem uma relação afetiva com comida de avião

Foto: Reprodução
Muita gente reclama de comida de avião, mas este homem nunca fez isso. Algumas memórias de Nik Sennhauser da infância são de voos de longa distância – e de comer em um avião.

+Jantar em 1ª classe de avião parado custa até R$ 3.000 no Japão
+AirAsia abre restaurante na Malásia que serve apenas “comida de avião”
+Reservas para jantar dentro de avião se esgotam em 30 minutos

“Eu cresci entre a Áustria e a Tailândia, então, pegava um avião a cada dois ou três meses”, lembra, em entrevista à CNN.

 

Por isso, sem poder viajar durante a pandemia, ele começou a recriar as refeições que fazia nas alturas e a compartilhar suas criações no Instagram. Todo fim de semana, ele procura referências em suas fotos antigas e escolhe algo para recriar do zero.

 

Instagram will load in the frontend.
Instagram will load in the frontend.
Instagram will load in the frontend.
Instagram will load in the frontend.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana