Noticias

Equipe de Jacquin grava receita no Pará: conheça chefs e destaques da culinária da região

Foto: Carlos Reinis/Band

A equipe do chef Erick Jacquin foi ao Pará gravar um novo episódio do programa Minha Receita, da Band, de acordo com o jornal local Roma News, para mostrar a influência da imigração japonesa na culinária regional.

+Jacquin compra bistrô de ex-participante de Pesadelo na Cozinha que morreu de Covid
+Família encontra cobra venenosa em alface
+Promoção oferece cerveja para quem se vacinar contra covid nos EUA

Mais um motivo para contemplar a região norte do Brasil é o Dia do Índio, celebrado nesta segunda-feira (19). Os produtos da floresta amazônica paraense e inúmeros preparos indígenas especiais, como o tucupi, a farinha d’água e o peixe com açaí, também se destacam.

Para a chef paraense Pri Coutinho, que está prestes a inaugurar um restaurante que exalta suas origens e experiências em São Paulo, os sabores paraenses ainda são pouco conhecidos. “É uma parte do país com muita fusão e influências variadas. Lembro da minha avó, descendente de franceses,  fazendo o próprio tucupi na cozinha da fazenda da família no Marajó. Além disso, notei durante ida recente à Tailândia, que existe muita semelhança entre a gastronomia marajoara e a asiática, inclusive, em relação ao relevo, que também alaga”, frisa Priscilla.

Instagram will load in the frontend.

Piracaia: o ritual do peixe na brasa

Nas duas unidades do restaurante Casa do Saulo, em Santarém, às margens do Rio Tapajós, ou em Belém, o chef Saulo Jennings compartilha a técnica da piracaia, ritual indígena de pesca de peixes regionais preparados na brasa sobre a folha de bananeira.

Instagram will load in the frontend.

O mesmo apreço pelos produtos paraenses tem o chef Paulo Anijar, do Santa Chicória, na capital. Ele é mestre em combinar sabores e um de seus pratos mais festejados é o filhote grelhado na brasa com arroz de pesto de jambu.

Instagram will load in the frontend.

De steakhouse a pizza de jambu com camarão

Já as paixões do chef Ricardo Costa, à frente da The Premium Steaks e da Pug, também em Belém, são o churrasco e a pizza. Mas ele não deixa de ser atento aos produtos de seu entorno. A qualidade dos cortes bovinos angus e dos preparos em grelha fazem da steakhouse uma das mais badalada da cidade. O mesmo acontece com a outra casa, que oferece a massa artesanal de longa fermentação e recheios como camarão com jambu e até burrata de fabricação praticamente própria, desenvolvida por Ricardo em parceria com um laticínio de queijo de búfala local.

Instagram will load in the frontend.

Conhecido como chef ‘mão na massa’, não é raro vê-lo atravessando a rua com uma panelona nos braços. Isso porque o molho da pizzzaria é feito com tomates braseados na churrasqueira da The Premium, que fica bem em frente à Pug.

São coisas que o Pará tem.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana