Noticias

Ex-BBB Mayra Cardi é acusada de incentivar transtorno alimentar

Foto: Reprodução/Instagram

Hoje atuando como coach, a ex-BBB Mayra Cardi causou polêmica nas redes sociais nesta quarta-feira (28) e foi acusada de incentivar transtornos alimentares.

+Conheça Loretta Harmes, chef que nunca mais poderá comer na vida
+Empresa de Singapura lança proteína de frango para beber
+Mais de 50% dos petiscos “saudáveis” têm muito sal ou gordura, diz estudo
+Pizza no café da manhã é melhor que cereal, diz nutricionista

Em sua conta no Instagram, a influencer postou uma foto de seu corpo após ter feito um jejum de 7 dias. Na publicação, Mayra afirmou que ingeriu apenas água durante o período, que ela considerou como “mágico”.

De acordo com Mayra, o objetivo não era emagrecer, mas “conectar o corpo, mente e alma”. Ainda assim, ela destacou os efeitos no visual. “Olha, gente. Olha a pele, olha a cinturinha. Não tem nada”, escreveu.

Nem todo mundo concordou com a ex-BBB. Muitos deles, inclusive, foram ao Twitter criticar a postagem, dizendo que a influencer fazia apologia à anorexia e que ela não levava em conta que poderia afetar de forma negativa seus 6,2 milhões de seguidores no Instagram.

Após as reações negativas, Mayra postou um vídeo dizendo que “pesquisas e artigos comprovando o benefício do jejum à saúde” e que não incentiva o método para perder peso. “Eu NÃO FIZ nem sou a favor de fazer jejum para emagrecer! JAMAIS faria”, acrescentou.

Instagram will load in the frontend.

(*) Da redação da Menu

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana