Noticias

Madero vai pagar indenização de R$ 400 mil a ex-funcionários

Foto: Madero

O Restaurante Madero Goiás Ltda., da unidade Flamboyant, em Goiânia, foi condenado pela Justiça do Trabalho a pagar R$ 400 mil em indenizações por prêmio de assiduidade para mais de 150 pessoas que trabalharam na empresa entre 2016 e fevereiro de 2018.

+China in Box é condenada a indenizar clientes por caco de vidro em comida
+Procon-SP multa churrascaria que ironizou crimes famosos
+Restaurante é condenado a indenizar cliente por comentário homofóbico

De acordo com a ação protocolada pelos ex-funcionários, a unidade não pagava os 10% de prêmio de assiduidade, direito conquistado em Convenção Coletiva de Trabalho firmada com o Sindicato Intermunicipal dos Empregados no Comércio Hoteleiro no Estado de Goiás (Sechseg).

O presidente do Sechseg, Marlos Luz, explica que o restaurante já repassou uma lista dos trabalhadores que têm direito a receber indenização, que varia entre R$ 200 a R$ 5 mil, informou reportagem do site Rota Jurídica.

Um ex-funcionário que não quis se identificar recebeu cerca de R$ 5 mil pelo tempo que trabalhou no local. “Estamos passando por um momento difícil com essa pandemia e receber essa indenização vai ajudar minha família”, disse.

(*) Da redação da Menu

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Garçonete demitida por ciúmes agora fatura com fotos sensuais
+ Chef Henrique Fogaça fecha restaurante no RJ e demite 200 funcionários
+ Torta de sorvete é sobremesa para fazer no fim de semana